Notícia

Corinthians e Inter, oito anos depois

12 de abril de 2017

O futebol brasileiro é rico de decisões e grandes histórias. Uma delas aconteceu na final da Copa do Brasil de 2009, quando Corinthians e Internacional estiveram frente a frente, e o Alvinegro levou a melhor. Nesta quarta-feira, os dois clubes voltam a se enfrentar pela Copa do Brasil, em momentos completamente diferentes. A bola rola às 21h45, no Beira Rio, em Porto Alegre, pela primeira partida da Quarta Fase.

Depois de ter conquistado a Copa Sul-Americana, em 2008, o Internacional do técnico Tite era uma das maiores forças do país. Seu trio de ataque, formado por D’Alessandro, Taison e Nilmar, era um dos mais temidos do Brasil. Hoje, o clube vive uma reconstrução depois de seu primeiro rebaixamento para a Série B em sua história.

Do outro lado, havia um Corinthians em plena recuperação no futebol brasileiro. A Copa do Brasil se desenhava como uma chance de mostrar ao país que estava, enfim, de volta. Depois de conquistar o Brasileirão Série B com facilidade, o Alvinegro contou com a chegada de Ronaldo para sonhar ainda mais alto.

O atacante teve participação fundamental na decisão. Na partida de ida, no Pacaembu, foi dele o segundo gol da vitória por 2 a 0. O outro foi marcado por Jorge Henrique. Na volta, nem mesmo o esforço de Alecsandro, que marcou duas vezes, foi suficiente para dar o título ao Inter. Após um empate por 2 a 2, o Corinthians levantou a taça. Daquele duelo no Beira Rio, apenas um jogador estará em campo nesta quarta-feira: o meia D’Alessandro, do Internacional.

Com vários personagens diferentes, Internacional e Corinthians estão prontos para viver uma nova história nesse clássico. E o primeiro capítulo começa nesta quarta, no Beira Rio.

Fonte: Assessoria CBF