Notícias
Sorteio da Primeira Fase: 15 de dezembro
Sorteio para a definição dos confrontos da Primeira Fase da Copa do Brasil 2018 será realizado no dia 15 de dezembro às 15h, na sede da CBF Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Copa do Brasil 2018 não terá gol qualificado
Gols marcados na casa do adversário não valem mais como critério de desempate Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Capitão Henrique e o Cruzeiro na Copa do Brasil
Em entrevista à CBFTV, o volante celeste Henrique fala sobre a braçadeira de capitão e a honra de levantar a Copa do Brasil pelo Cruzeiro Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Léo comenta título da Copa do Brasil pelo Cruzeiro
No clube há sete anos, zagueiro celeste foi peça fundamental para campanha do Cruzeiro até a conquista do pentacampeonato da Copa do Brasil 2017 Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Vídeo #FinalCopaDoBrasil Cruzeiro 5 x 3 Flamengo
Raposa venceu o Urubu nos pênaltis e conquistou a Copa do Brasil pela 5ª vez Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Nos pênaltis, Cruzeiro vence o Fla e fatura título
Após 0 a 0 no tempo normal, times decidiram a competição nas penalidades máximas, vencidas pela Raposa por 5 a 3. Confira! Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Nos pênaltis, Cruzeiro vence o Fla e fatura título
O Cruzeiro é o campeão da Copa do Brasil 2017! Nesta quarta-feira (27), a Raposa decidiu o título ao lado do Flamengo, no Mineirão, e ficou com a taça em casa após vencer nos pênaltis por 5 a 3. No jogo de ida, empate em 1 a 1 e, nesta noite, 0 a 0 no tempo regulamentar. É a quinta vez que a equipe mineira conquista a competição nacional. Como não podia ser diferente, os dos times entraram focados e buscando o ataque aos poucos. O primeiro lance de perigo foi com o Flamengo, aos seis minutos, quando Paolo Guerrero cobrou falta no ângulo do goleiro Fábio e viu a bola beliscar a trave antes de sair. A primeira boa chance do Cruzeiro veio aos 13. Arrascaeta pegou bola rebatida em Willian Arão e finalizou pelo lado esquerdo do gol rubro-negro. No lance seguinte, mais uma investida da Raposa: Thiago Neves recebeu bom passe de Arrascaeta e bateu cruzado por cima do gol de Alex Muralha. Ocupando bem o campo de ataque, principalmente pelo meio, o time mineiro teve melhor aproveitamento em passes e criou outras boas chances de marcar. Do lado do Flamengo, destaque para o zagueiro Juan, parando todas as investidas pelo lado esquerdo. Na segunda etapa, o Cruzeiro voltou com postura mais ofensiva e ficou os primeiros 15 minutos no campo de ataque. Thiago Neves, Alisson e Arrascaeta deram trabalho ao setor defensivo rubro-negro, que segurou bem as investidas. Depois, o Flamengo voltou a pressionar também, com boas chegadas de Everton, Diego e Guerrero. Em uma das melhores chances para a Raposa, Muralha tirou com um tapa para o lado o chute de Diogo Barbosa, e Arrascaeta quase cabeceou para dentro do gol. Correndo até o apito final, os dois times não balançaram as redes e levaram a decisão para as penalidades. O título nos pênaltis Diante de sua torcida, na atmosfera mais positiva possível, o Cruzeiro iniciou a cobrança de pênaltis com Henrique, que bateu no meio do gol e marcou. Depois, Léo, Hudson, Diogo Barbosa e Thiago Neves também converteram. Do lado do Flamengo, Guerrero, Juan e Trauco marcaram, enquanto Diego foi parado na defesa de Fábio. Com a vitória por 5 a 3, o Cruzeiro sagrou-se pentacampeão da Copa do Brasil! Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Júnior e Sorín serão homenageados na decisão
Ídolos de Cruzeiro e Flamengo, Sorín e Júnior terão uma missão especial antes de a bola rolar para a final da Copa do Brasil, no Mineirão Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Júnior e Sorín serão homenageados na decisão
Eles jogavam na mesma área do campo e têm em comum a extrema identificação com os clubes em que defenderam. Ídolos de Cruzeiro e Flamengo, Juan Pablo Sorín e Leovegildo Lins da Gama, o Júnior, receberam uma missão especial antes de a bola rolar para a final da Copa do Brasil 2017, às 21h45, no Mineirão. Campeões da Copa do Brasil, os dois ex-jogadores serão homenageados por suas histórias nos clubes finalistas da noite e carregarão o objeto mais desejado da noite. Júnior venceu a competição com a camisa rubro-negra em 1990, o primeiro título do Flamengo na Copa do Brasil. Já Sorín, dez anos depois, levantou a taça com o Cruzeiro, a terceira do clube. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Cruzeiro e Flamengo decidem a Copa do Brasil 2017
Cruzeiro e Flamengo entram em campo nesta quarta-feira (27), às 21h45, no Estádio do Mineirão Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Cruzeiro e Flamengo decidem a Copa do Brasil 2017
É hoje o dia da grande decisão! Cruzeiro e Flamengo entram em campo para realizarem a final da Copa do Brasil 2017, nesta quarta-feira (27), às 21:45h, no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG). Na partida de ida, o duelo terminou empatado em 1 a 1, no Maracanã. Sem o critério de desempate do gol fora de casa, agora é tudo ou nada para as equipes. Há cerca de um mês à frente do rubro-negro carioca, o técnico Reinaldo Rueda não se intimida com o fato da final desta quarta ser uma reedição de 2003, que o Cruzeiro sagrou-se tetracampeão no Estádio do Mineirão. O colombiano reforça a história vencedora do Flamengo para incentivar os jogadores e torcedores na possível conquista do quarto título vermelho e preto na Copa do Brasil. – O Flamengo é uma equipe forte com uma mística ganhadora que pode superar os rivais, seja como mandante ou visitante. Essa é uma das características das grandes equipes, além de querer ganhar sempre. Estamos trabalhando para construir essa mentalidade vencedora - disse o colombiano na coletiva de imprensa oficial da final da Copa do Brasil realizada na manhã dessa terça-feira (26). Já o zagueiro Léo está na Raposa desde 2010 e participou de 271 jogos. O defensor conquistou duas vezes o Campeonato Brasileiro (2013 e 2014) e o Mineiro (2011, 2014), mas ainda não teve a oportunidade de levantar a taça da Copa do Brasil. Porém motivação não falta e Léo entrará em campo com a expectativa de ganhar o pentacampeonato do Cruzeiro e o título inédito na carreira. – Acredito que a motivação de todos nós é buscar esse título. Hoje o maior detentor é o Grêmio e o Cruzeiro está em busca de alcançar este feito. Entramos dentro de campo com objetivo de conquistar a vitória e mais esse passo para a equipe - revelou o defensor. Um grande espetáculo é esperado hoje antes e depois da partida, que será apitada por Luiz Flávio de Oliveira. A bola do jogo já está pronta para rolar no Estádio do Mineirão, e o troféu está esperando o novo dono: Cruzeiro ou Flamengo, quem leva a Copa do Brasil 2017? MAIS SOBRE A FINAL DA COPA DO BRASIL: Destaque no Fla, Cuéllar quase foi do Cruzeiro Ídolo Celeste, Aristizabal recorda título de 2003 Cruzeiro x Fla: CBF prepara espetáculo inédito Copa do Brasil 2017: detalhes técnicos do troféu Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Marcelo Oliveira: PhD em final de Copa do Brasil
Atual comandante do Coritiba, técnico chegou a cinco finais da competição mais democrática do país, sendo recordista no torneio Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Marcelo Oliveira: PhD em final de Copa do Brasil
Cruzeiro-MG e Flamengo-RJ decidem, nesta quarta-feira (27), o título da Copa do Brasil 2017. Com formato mata-mata do início ao fim, chegar a decisão do campeonato mais democrático do país não é um objetivo tão fácil. Mas não há truques. Para ser merecedor é preciso entender cada detalhe que envolve o torneio. É o que diz Marcelo Oliveira. O atual treinador do Coritiba é, ao lado de Luiz Felipe Scolari, o técnico que mais vezes disputou finais da competição. Das sete edições que participou, Marcelo avançou até a grande decisão em cinco. Nas duas primeiras, em 2011 e 2012, ele defendia o mesmo clube em que está hoje. Na sequência, foram outras três finais consecutivas: 2014 pelo Cruzeiro, 2015, quando sagrou-se campeão com o Palmeiras, e, no ano passado, quando comandou o Atlético-MG até o primeiro jogo da final diante do Grêmio. Com uma experiência quase acadêmica em jogos decisivos da Copa do Brasil, o treinador revela o que considera ser a chave para o sucesso. – É um campeonato que tem um regulamento específico. Então, é muito importante que você saiba jogar a competição. São detalhes que naturalmente todos sabem, mas que devem ser colocados em prática na hora que acontecem. Por exemplo, o jogo fora, o jogo em casa e a estratégia que vai ser usada nessas situações. Os times que comandei tinham em comum uma boa estrutura, tecnicamente eram boas equipes, mas, principalmente, existia um espírito competitivo muito grande – destacou. A trajetória de Marcelo na Copa do Brasil começou em 2010 à frente do Paraná. De lá pra cá foram 34 vitórias, 11 empates e 14 derrotas, com um aproveitamento superior a 63%. O comandante não esconde seu carinho pelo campeonato e a importância que a competição teve na sua carreira: – É uma competição nacional de grande importância. O fato de dar uma vaga na Libertadores ao campeão a deixou ainda mais disputada. Teoricamente você tem um caminho mais curto em relação ao Campeonato Brasileiro, mas não é fácil chegar a tantas finais por clubes diferentes. Tanto pelo Coritiba, pelo Cruzeiro, e posteriormente com Palmeiras e Atlético-MG, isso gerou uma experiência muito importante pra minha carreira. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Destaque no Fla, Cuéllar quase foi do Cruzeiro
"Conheço a grandeza do Cruzeiro, mas o Flamengo é o meu time, o maior do mundo", afirma o colombiano, umas das atrações da final da Copa do Brasil Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Destaque no Fla, Cuéllar quase foi do Cruzeiro
O colombiano Cuéllar vive o seu melhor momento desde que foi contratado, em 2016, pelo Flamengo, um dos finalistas da Copa do Brasil 2017: o volante ganhou vaga na equipe titular, caiu nas graças do torcedor e tem acumulado boas atuações. Foi, inclusive, eleito o melhor jogador na partida de ida das semifinais contra o Botafogo. Cuéllar, porém, tem uma história particular na decisão desta noite contra o Cruzeiro. Ele quase foi contratado pela equipe mineira antes de transferir-se para o Fla. – O Cruzeiro tentou me contratar, mas não foi possível. Daí surgiu uma possibilidade de vir para Flamengo. Importante o contato que o Cruzeiro fez, tenho o conhecimento da grandeza do clube, mas o Flamengo é o meu time, o maior do mundo. O jogador, que completará 25 anos no próximo mês, vive agora a expectativa de conquistar um primeiro título nacional pelo Flamengo. Na Colômbia, Cuéllar foi campeão duas vezes da Copa Colômbia, competição equivalente à nossa Copa do Brasil. – O título vai valorizar o trabalho do dia a dia. É a coroa do rei. Muito importante para jogador saber que está no caminho certo. Vamos fazer um grande jogo. Esse é o ponto de partida para o que a gente quer, que é disputar sempre as finais. Tem sido muito importante para mim a Copa do Brasil – afirma. Assista ao papo completo com Cuéllar, uma das atrações da final da Copa do Brasil 2017 no video acima. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Ídolo celeste, Aristizábal recorda final de 2003
CBFTV conversa com atacante Aristizábal, ídolo do Cruzeiro e campeão da Copa do Brasil em 2003 diante do mesmo Flamengo, de colombianos no elenco atual Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Ídolo celeste, Aristizábal recorda final de 2003
Catorze anos depois, Cruzeiro e Flamengo voltam a decidir uma Copa do Brasil. O ano era 2003 e, na ocasião, a festa foi em azul: tetracampeonato da equipe mineira. Naquela final, um colombiano foi destaque na conquista. Víctor Hugo Aristizábal – autor de cinco gols no torneio, um deles na finalíssima - até hoje é ídolo do torcedor do Cruzeiro e um símbolo daquele time campeão. Na final atual, os colombianos estão do lado rubro-negro. O atacante Berrio, o técnico Rueda e o volante Cuellar são conterrâneos de Aristi. A CBFTV conversou com o ex-atacante sobre essa particularidade da final de 2017. O ídolo cruzeirense recordou a noite memorável de 2003 e se derreteu ao falar do clube mineiro. Depois de uma trajetória consistente na competição, o Cruzeiro de Aristigol se deparava com o perigoso e talentoso time do Flamengo na finalíssima de 2003. A partida de ida foi disputada no Maracanã. Ao final dos primeiros 90 minutos, um empate em 1 a 1. O resultado, revelou Aristizábal, foi comemorado pelos mineiros. A decisão seguiu para Belo Horizonte (MG), e os jogadores da Raposa sabiam que largavam na frente para o segundo duelo: – A gente tinha empatado o primeiro jogo no Maracanã. Na volta, sabíamos que a gente tinha a vantagem de jogar no nosso campo, com a nossa torcida. E nós perdíamos pouco no Mineirão. A equipe estava muito entrosada – relembrou o atacante. A preparação para a final foi intensa, mas de clima muito leve. Para Aristizábal, a equipe mineira havia formado uma grande família. Acompanhada pela presença em massa da torcida celeste – de quem o colobiano guarda grandes saudades e admiração – a Raposa apostou na união do grupo para garantir o título no Mineirão. ­– A torcida lotou o estádio. A gente ficou arrepiado dentro de campo pela homagem que eles fizeram para nós. O time estava muito bem, jogava muito bem. Éramos uma família, e isso nos ajudou muito para que saíssemos campeões ­– recordou Aristigol que revelou ainda, em meio a largas risadas, o clima familiar e de parceria dentro da equipe celeste: – Eu lembro que alguns meninos estavam apenas começando a jogar. Como o Gladstone, que entrou de titular só naquele jogo porque tínhamos alguns desfalques. E a gente brincava com ele para ele ficar tranquilo. Era um menino muito bacana e humilde. Na palestra brincávamos muito com ele, para ele não ficar nervoso. Perguntávamos se ele ia precisar de uma fralda para ir pro jogo. Nós éramos mesmo uma família. Carregados por esse espírito de união e companherismo e empurrados por um Mineirão abarrotado de vozes cruzeirenses, Aristizábal e companheiros derrotaram o Flamengo por 3 a 1 e conquistaram a Copa do Brasil pela quarta vez na história do clube. Passados 14 anos daquela decisão, para Aristizábal as expectativas para a decisão da próxima quarta-feira são as melhores possíveis. A final terá três conterrâneos de Aristigol – todos pelo lado rubro-negro – além de um dos clubes que o atacante defendeu e expressa grande admiração. Da Colômbia, o ex-atacante mostrou estar ligado na trajetória dos colombianos do Fla. – Acompanho bastante. Acredito que o Flamengo tem um treinador muito bom. O Berrío não é um atacante de muitos gols, mas desequilibra muito na frente. Ele protagonizou um dos melhores lances que tivemos no futebol em 2017 – comentou Aristizábal, que destacou a valorização do jogador colombiano e encheu a bola do futebol brasileiro: – Hoje o jogador colombiano tem muito prestígio no Brasil. Para mim, jogar no Brasil não deixa a desejar em nada para a Europa. O Brasil é um país maravilhoso para se jogar futebol. Ao final da entrevista, a equipe da CBF TV exibiu a Aristizábal uma mensagem de Gustavo Cuéllar, volante colombiano do Flamengo que estará na final desta quarta-feira. O jogador rubro-negro mostrou admiração pelo ídolo do futebol colombiano, que retribuiu: – Um abraço para Gustavo. Torço muito por ele, Berrío e Rueda, além da comissão técnica do Flamengo que tem muitos colombianos. Mas, eu tenho um carinho muito grande pelo Cruzeiro. Passei muitas coisas boas em Minas. Infelizmente não consegui ficar mais tempo no clube, mas adoro o Cruzeiro – respondeu Aristizábal, que garantou que estará de olho no jogaço desta quarta-feira: – Vou estar ligado. Tomara que os colombianos vão muito bem, mas torço muito pelo Cruzeiro por que joguei e ganhei títulos por lá. Quero que todos vão muito bem e o Cruzeiro seja campeão. Nesta quarta-feira (27), Cruzeiro/MG e Flamengo/RJ se enfrentam pela segunda partida da decisão do torneio mais democrático do país. No duelo de ida no Maracanã, um empate por 1 a 1 colocou mineiros e cariocas em igualdade para o confronto desta quarta-feira, desta vez no Mineirão, em Belo Horizonte (MG). Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Cruzeiro x Fla: CBF prepara espetáculo inédito
Mineirão será palco de ações de promoção e protocolo jamais vistos em um jogo decisivo no futebol brasileiro. Coletiva oficial será realizada pela primeira vez Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Cruzeiro x Fla: CBF prepara espetáculo inédito
A CBF prepara uma série de ações de promoção e de protocolo para o pré e pós-jogo da Final Copa do Brasil 2017 entre Cruzeiro e Flamengo, na próxima quarta-feira (27), no Estádio do Mineirão. A expectativa é proporcionar aos espectadores um espetáculo jamais visto em um jogo decisivo no futebol brasileiro, seja para quem esteja no estádio ou acompanhando pela televisão. O esquenta para o jogão já começa na véspera da partida. Pela primeira vez, em parceria com os clubes, uma coletiva de imprensa oficial da decisão será realizada, com a presença de representantes das duas equipes. O encontro com os jornalistas acontecerá às 11h30, no Mineirão. No dia da partida, o roteiro de protocolo incluirá show de luzes, projeções e efeitos especiais no campo, interações no telão, homenagem especial a dois ex-campeões de Cruzeiro e Flamengo, além de outras surpresas. Com o apoio da Klefer e TV Globo, as iniciativas da CBF vão ao encontro das ações que também serão desenvolvidas pelos clubes, pela Federação Mineira e pela administração do Mineirão horas antes do jogo, dentro e fora do estádio. Promoção da #FinalCopadoBrasil O espetáculo preparado pela CBF para o segundo jogo é mais uma etapa das ações de promoção da Final da Copa do Brasil. O sorteio dos mandos de campo da decisão ganhou nova roupagem em 2017. Em formato de programa, com cenário personalizado, apresentação de Felipe Andreoli, presença de atletas dos clubes e transmissão ao vivo pelo canal SporTV. Na ocasião, a CBF também apresentou a logomarca oficial da Final. No primeiro jogo da decisão, no Maracanã, os clubes já entraram com os patchs fixados nas camisas e o árbitro Marcelo Aparecido utilizou moeda personalizada para sortear a posse de bola. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Coletiva oficial terá Léo e Rueda nesta terça
Pela primeira vez, representantes dos finalistas Cruzeiro e Flamengo atendem aos jornalistas juntos em coletiva de imprensa oficial às 11h30, no Mineirão Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Coletiva oficial terá Rueda e Léo nesta terça
Nesta terça-feira, às 11h30, no Estádio do Mineirão, acontecerá a coletiva de imprensa oficial da Final da Copa do Brasil 2017. O encontro com jornalistas terá a presença do zagueiro Léo, representando o Cruzeiro, e o técnico Reinaldo Rueda, pelo lado do Flamengo. Será a primeira vez que esse formato de coletiva de imprensa é realizado para promover a decisão. Como em grandes competições internacionais, o modelo é mais um novidade da Copa do Brasil 2017. A CBF transmitirá todo o bate-papo ao vivo pela sua página no Facebook. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
#FinalCopaDoBrasil Luiz Flávio de Oliveira apita
Comissão de Arbitragem sorteou o árbitro da Final da Copa do Brasil nesta segunda-feira (25). Luiz Flávio de Oliveira apita Cruzeiro x Flamengo Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
#FinalCopaDoBrasil Luiz Flávio de Oliveira apita
A Comissão de Arbitragem da CBF sorteou, nesta segunda-feira (25), o árbitro que trabalhará na Final da Copa do Brasil 2017, entre Cruzeiro e Flamengo. As bolinhas giraram e apontaram Luiz Flávio de Oliveira (FIFA) como o responsável por comandar a partida. No jogo de ida, no Maracanã (RJ), o confronto entre o Rubro-Negro, tricampeão da competição, e a Raposa, tetracampeã, terminou em 1 a 1. Lembrando que, na Final, o gol fora de casa não vale como critério de desempate. Os times se enfrentam na próxima quarta-feira (27), às 21h45 (de Brasília), no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG). Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Copa do Brasil 2017: detalhes técnicos do troféu
Cruzeiro ou Flamengo sairá do Mineirão com 11,5 kg de glória fabricada com uma mistura de folhas metálicas e lâminas douradas. Confira tudo sobre a taça Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Copa do Brasil 2017: detalhes técnicos do troféu
O Cruzeiro levará sua quinta ou o Flamengo conquistará sua quarta Copa do Brasil? O campeão sairá do Mineirão, na próxima quarta-feira (27), com 11,5 kg de glória fabricada com uma mistura de folhas metálicas e lâminas douradas. O troféu da Copa do Brasil 2017 é prateado e tem detalhes em verde e amarelo, além das fitas nas cores dos clubes finalistas. Tudo isso distribuído em 60 cm de altura, 50 cm de largura, 38 cm de espessura na base e 25 cm de espessura no copo principal. A bola vai rolar a partir das 21h45, mas a programação da Final da Copa do Brasil começa na terça-feira (26), com o ensaio geral do evento especial programado para a decisão. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Confira a bola da final entre Cruzeiro e Flamengo
Nike Ordem 4 tem os detalhes da partida, como o nome da competição, os escudos dos clubes, a data e o local do duelo. Confira! Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Confira a bola da final entre Cruzeiro e Flamengo
Na próxima quarta-feira (27), às 21h45, Cruzeiro e Flamengo entram em campo disputando mais um título da Copa do Brasil. Personalizada, a bola para a grande final já está pronta para rolar. A Nike Ordem 4 tem os detalhes da partida, como o nome da competição, os escudos dos clubes, a data e o local do duelo. Detalhes sobre a redonda A Nike CBF Ordem 4 tem predominância das cores azul e verde, com detalhes em amarelo e o escudo oficial da Confederação Brasileira de Futebol. Para aumentar a sensibilidade ao toque do jogador, a bola teve a câmara atualizada. O corte Nike Aerowtrac conta com uma camada comprimida de polietileno, que armazena energia e proporciona um voo mais preciso nos lançamentos. A precisão geométrica distribui, uniformemente, a pressão para chutes fortes e precisos. A parte externa é feita de couro sintético e a câmara de ar de carbono látex. Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Mano exalta empate do Cruzeiro diante do Flamengo
Treinador da Raposa afirma que resultado no Maracanã foi positivo, mas destaca que decisão está aberta Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Mano exalta empate do Cruzeiro diante do Flamengo
O Flamengo saiu na frente do Cruzeiro nesta quinta-feira (7), mas a Raposa não se abateu e conseguiu arrancar o empate em 1 a 1 no Maracanã. O técnico Mano Menezes exaltou o resultado dos mineiros, mas fez um alerta para o duelo da volta. – Saímos com um bom resultado e levamos a decisão para a nossa casa. Lá em Belo Horizonte a arquibancada e as camisas vão mudar de cor. Em parte saímos satisfeitos. Acreditamos que foi tudo dentro da normalidade para este primeiro jogo. Saímos atrás no placar e depois conseguimos empatar. A decisão está em aberto e agora será em casa – destacou. O segundo jogo da decisão da Copa do Brasil será disputada no próximo dia 27, uma quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG). Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...
Notícias
Rueda diz que Flamengo não soube "matar" o jogo
Treinador do Rubro-Negro lamenta que time não conseguiu ampliar o resultado enquanto estava melhor e reconhece problema nos minutos finais Fonte: Assessoria CBF...
Leia Mais...